terça-feira, 8 de novembro de 2016

O ENEM DO POCILGA




Resultado de imagem para imagem de fila do enem
Imagem Google



O ENEM DO POCILGA

Oi, pessoal,
Fui duramente criticado por muitos de meus pouquíssimos leitores a respeito da última postagem, a do pum do boi. Chamaram-me de sem noção e ao texto de excrementoso. Repetiram a esculhambação que me é impingida com os posts de sexo. Basta eu sair um pouquinho do sério para os azoretas contraírem melindres. Como se não dessem pum nem transassem. Eu, hein!
A fim de aliviar a barra com eles, até porque somos inimigos íntimos, postei os microcontos abaixo. Microconto, sabe você, é um fio de navalha só. Precisa narrar um episódio, mas sem narração parecer, já que ao leitor é atribuída a tarefa de preencher as lacunas contextuais. De mais a mais, qualquer escorregão e o bicho se transforma em piada. Daí que o metido a “microconteiro” tem que se virar para pôr alguma arte no enunciado e assim fugir das armadilhas.

Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM)

NA FILA
1. Ih, tá rolando um flatozinho irado. – Obra do nervosismo. - É. Mais uma obra desse nojento.
2. Por que segurar tanto essa saia, se está usando horroroso short por baixo? – E é da sua conta, coxinha golpista? – Mas sou autêntico. Melhor que certas coxonas sem caráter: escondem o golpe por baixo dos panos.
3. Vazou, galera. O tema é intolerância religiosa. - Assim vaza eu. Fui! Não tolero religião.

NA PROVA
1. Preciso ir no banheiro, fiscal. – No, não, ao – Ao, no ou vestido, mas me deixe ir. É eu que tô com dor de barriga, não a senhora. - É eu, não. Sou eu, jovem. - Então vamos logo, senhora, pelo amor de Deus.
2. Tenho que revistá-la, moça. – Por quê? – Esse volumão no short. É um emissor de pontos eletrônicos, não é? – Não. É um receptor, fiscal. Mas só o de do exclamação, o !

NA SAÍDA
1. E aí, como se saiu? Fechou alguma prova? – Fechei todas. Fechei assim que abri. Mas só me deixaram sair agora.
2. Oi, deu pra passar? – Nada! Os fiscais nem olhar pra cara da gente olham.

Esse leia mais só vale para quem se saiu mal no Enem. Ainda que ler mais é bom pra todo o mundo, né não? Desculpa a brincadeira, gente. E nem (estava me coçando pra escrever isso) adianta estirar o dedo pra mim, viu?

Novembro/16
TC